Rallys

Bianchini Rally segue, neste sábado, para etapa final do Rally RN1500

O 23º Rally RN1500 segue para a reta final, neste sábado (3), com chegada em São Miguel do Gostoso, localizado a aproximadamente 100 quilômetros de capital potiguar. E moto e UTVs da Bianchini Rally passam por uma revisão minuciosa, em Assu, para encarar o último dia do tradicional rali, conhecido pelas variações de terrenos e do mais puro Rally Cross Country, após ter passado por uma Especial técnica e exigente de 187 quilômetros, nesta sexta-feira. Muitas pedras, erosões, piso de cascalho e piçarras, trechos travados e outros de alta velocidade e alguns incidentes marcaram a penúltima etapa.

Fliter/Munhoz estão em quarto na UT1 e sexto na geral e vão brigar pelo Top 5 (Pedro Santos/PhotoAction)

Nas motos Maxwell Fernandes #11 (KTM 450) completou a Especial em 6º na Moto 3, em 3h32m06s. Com o resultado, está em 6º na categoria no acumulado, a 3m59s do 5º colocado. São 37 motos no grid. Entre os UTVs (Can-Am Maverick X3) Richard Fliter/André Munhoz #105 fecharam em 4º na UT1 (3h16m21s). Na equipe é a dupla mais bem colocada: está em 4º na categoria e em 6º na geral (são 55 UTVs na disputa) e a 10min do 3º colocado na UT1. Gustavo Zanforlin/Marcos Panstein #127 tiveram problemas na suspensão mas, ainda assim, completaram a Especial em 10º na UT2. A dupla está em 6º na categoria (a 4min do 5º colocado) e em 11º na geral.

Duas duplas tiveram problemas e não conseguiram completar esse 3º dia a tempo, mas largam amanhã (3) para última etapa. Após vencerem três etapas consecutivas na UTV Over 45, Marcos Finato/Guilherme Holanda #135 perderam a liderança devido a uma quebra na ponta do eixo. Já o freio foi o vilão do dia e não deixou a dupla Marcos Baumgart/Marcos Colvero #163 (UT1) terminar a Especial.

Finato/Holanda perdem a liderança na UTV Over 45, na penúltima etapa, devido a uma quebra (Claudiney Sandro/DFotos)

Mas Zé Hélio/Ramon Sacilotti #312 venceram a etapa 3 nos carros (2h58m17s) e assumiram a liderança na geral e na categoria Open, a bordo do Buggy V8.  A dupla disputa o RN1500 levando o nome da Bianchini Rally. No último dia, o trecho cronometrado será de 168 quilômetros de um total de 249 do dia, e um dos desafios serão as dunas no trecho do litoral. O 23º Rally RN1500 é válido pela segunda prova do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country.

Os resultados completos da 3ª etapa http://chronosat.com.br/res/race_ss.php?mod=3&ss=3 e os resultados acumulados do rali: http://chronosat.com.br/res/race.php?mod=3

A Bianchini Rally/Power Husky, com sede em Alphaville/Barueri, tem patrocínio da Rock, Army, Borilli Racing e apoio da Hupi, McDonald Pelz, O Mundo de Maria, Bull Sertões, Vedacit, XRally Team, Máfia do Rally e Petrolam. Mais informações: www.bianchinirally.com.br, Facebook @equipebianchinirally e Instagram @bianchinirally

Aspas de alguns pilotos sobre o penúltimo dia de rali:

Maxwell Fernandes (São Caetano do Sul/SP): “Foi um dia bem divertido, gostei da Especial técnica, cheia de pedras, variações de piso e de muita navegação. Mas minha moto apresentou problemas e não pude acelerar nos trechos rápidos, daí não quis forçar. Vamos para o último dia com foco total.”

Richard Fliter (Barueri/SP): “Tivemos problema que o UTV entrou em modo de segurança, devido a bomba de combustível e não conseguimos passar de 80km/h, o que prejudicou nosso desempenho. Mas permanecemos em 6º na geral e amanhã (3) o objetivo é tentar fechar o rali entre os 5 primeiros. Vamos que vamos!”

Marcos Finato (Barueri/SP): “Estávamos andando bem e estava uma Especial prazerosa, mas faltando 8 quilômetros para o final quebrou a ponta do eixo e perdemos uma roda. Não foi por pancada, apenas desgaste da peça. Agora é encarar a última etapa e chegar manhã (3), em São Miguel do Gostoso.”

Gustavo Zanforlin (Barueri/SP): “Hoje vínhamos bem, tanto que na terceira parcial estávamos em 5º na geral. Daí faltando 40 quilômetros para acabar, uma referência errada na planilha fez com que batêssemos em um muro de pedra e quebrou a bandeja e estourou o pneu. Trocamos e voltamos para a prova mas o carro ficou desalinhado. Amanhã vamos para cima e tentar buscar o pódio.”

Resultado Acumulado do Rally RN1500 (após três dias) – 2/7

Categoria Moto 3 – 6 primeiros
1) Gabriel Bruning, 9h09m55s
2) Francisco Pitombeira, 9h51m53s
3) Francisco Forbes, 10h02m24s
4) Misael Amariz, 10h11m41s
5) Ypiranga Cortez, 10h20m09s
6) Maxwell Fernandes, 10h25m54s

Geral UTVs – 11 primeiros
1)Bruno Varela / Ivo Mayer, 8h27m33s (1º UT1)
2)Denísio do Nascimento / Idali Bose, 8h31m23s (2º UT1)
3)João Valentim / Breno Rezende, 8h31m51s (3º UT1)
4) Reinaldo Varela / Gunnar Dums, 8h32m50s (1º UOP)
5) John Monteath / Paulo Medina, 8h39m41s (1º UT2)
6) Richard Fliter / André Munhoz, 8h49m42s (4º UT1)
7) Gabriel Cestari / Jhonatan Artigo, 8h50m53s (2º UT2)
8) Fabio Ruediger/Humberto Ribeiro, 8h53m04s (3º UT2)
9) Fabio Pirondi/Humberto Ribeiro, 8h55m37s (4º UT2)
10) Tomas Luza/Robson Schuinka, 8h46m55s (5º UT2)
11) Gustavo Zanforlin/Marcos Panstein, 9h01m21s (6º UT2)

Programação Etapa final – 23º Rally RN 1500
3/07 – 4ª etapa
8h – Assú (RN) | São Miguel do Gostoso (RN) – Total 249,80 km
Deslocamento – 66,74 km
Especial – 168,11 km
Deslocamento – 14,95 km
15h – Divulgação resultados | Premiação no Idílico Kite Club

MSuzuki Comunicação

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.