Troller abre a temporada de rali como patrocinadora oficial do Transparaná 2017

janeiro 25, 2017 1:28 pm
Foto: Doni Castilho

Foto: Doni Castilho

A Troller anunciou que será a patrocinadadora oficial da 23ª edição do Transparaná, um dos ralis mais tradicionais do País. Em parceria com seu distribuidor Troller Trilha Eurocar, a marca off-road estará nesta prova de resistência que terá a largada na cidade de Apucarana, no Paraná, no dia 8 de fevereiro, com chegada em Curitiba, capital paranaense, no dia 11.

No Transparaná, a Troller contará com uma estrutura exclusiva para atender as duplas que competem com o utilitário da marca. Por ser um rali bastante complexo, os participantes terão a disponibilidade de peças de reposição para troca imediata, além de mecânicos e apoio em caso de necessidade. No final do evento, todos os pilotos competidores também poderão agendar uma inspeção gratuita em seus veículos T4.

Foto: Ale Moreira

Foto: Ale Moreira

“Iniciamos o ano com uma forte atitude ao patrocinar uma competição de tanta tradição. O Transparaná recebe equipes de vários estados e teremos a oportunidade de proporcionar a estrutura necessária para o melhor desempenho durante o rali.  É um trajeto muito duro de três dias e a robustez e versatilidade do T4 nos dão a certeza de que a Troller brigará pelo título da competição”, diz Demétrio Fleck, gerente de Vendas, Marketing e Serviços da Troller.

Com um supergrid de competidores e vários pilotos consagrados nos ralis de regularidade do Brasil, o Transparaná é um dos grandes desafios off-road do ano. Realizado desde 1994, teve como primeira prova um circuito de Londrina até o litoral paranaense, contando na época com 88 veículos e a participação de Wilson Fittipaldi.

Para conhecer mais detalhes sobre o evento e realizar sua incrição na competição acesse o site http://www.transparana.com.br.

Print Friendly


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Mais Offroad. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e serão removidos.