Como foi a primeira etapa do Paulista Off Road em Taubaté

março 1, 2016 5:54 pm

paulista off road

Neste final de semana foi dada a largada para o Campeonato Paulista Off Road 2016. A primeira etapa aconteceu na cidade de Taubaté e contou com quase 80 carros no grid de largada. As 58 duplas que participaram do rally de regularidade vieram de diversas cidades do estado de São Paulo e até de outros estados.

O Shopping Via Vale recebeu os competidores já na sexta-feira, 26 de fevereiro, onde aconteceu a secretaria de prova, briefing e curso de navegação. Durante o briefing, o diretor de prova Clayton Prado,  passou algumas informações aos participantes incluindo as condições do terreno que encontrariam no dia seguinte. Os participantes de primeira viagem puderam acompanhar uma aula de navegação oferecida pelo Paulo Marcílio, o Animau, que além de um rallyzeiro experiente, também participou desta etapa como piloto e patrocinador do evento.

No sábado, 27, os participantes se reuniram logo cedo no shopping para além de trocar experiências, rever os amigos na prova de rally de regularidade que abriu a temporada 2016 para muitos deles.

Leonardo Magalhães, da equipe Tulipa Rally, comenta:

“Esta é a primeira prova do ano para nós e além de muito ansiosos, estávamos com saudade de reencontrar muitos amigos que fizemos ao longo dos anos participando dos rallys. É sempre uma festa!”

Muitos competidores aproveitaram a manhã de tempo bom para adesivar seus veículos e fazer a vistoria técnica junto a CBA, se preparando para a largada que aconteceu às 10 horas. Carros alinhados, é hora da aventura!

O evento foi dividido em duas etapas. A primeira etapa com pouco mais de 60km, percorreu fazendas da região do Vale do Paraíba, com trechos de reflorestamento e muitos balaios, as conhecidas pegadinhas, que garantiram a diversão dos competidores.

Guilherme Saboia, que participou pela primeira vez na categoria Turismo, comenta:

“A primeira etapa do paulista 2016 foi um batizado! Foi minha primeira prova na categoria turismo e um destalonamento do nosso pneu fez a gente abandonar. Abandonar uma prova muito divertida, bem desenhada, técnica e que estávamos bem empolgados e “on time”! O destalonamento foi um banho de água fria, bom para afinar a concentração e treinar a paciência. Um banho de água fria como todo batismo deve ser! Porém deu pra perceber que estamos correndo bem e vamos incomodar! Bora! Bora para a próxima etapa que o pneu já esta no lugar de novo e a cabeça ainda tá fresca!”

Seu navegador, Cesinha Pereira também dá sua versão:

“Estávamos vindo muito bem na 1°etapa do Paulista Off Road, andamos mais da metade da primeira parte do Rally em primeiro, mas quando fomos tirar um atraso tivemos um pneu destalonado. Trocamos o pneu e íamos para a segunda parte da prova, quando observamos que o cabo de energia do nosso equipamento de navegação não estava passando energia para o aparelho, ou seja, não sabíamos nem onde estávamos mais (risos). Não era para ser dessa vez, vamos para próxima etapa com mais foco ainda para um bom resultado.”

Após 2 horas de prova, os competidores puderam fazer uma parada estratégica, chamada de Neutro, no Posto Olá, que fica na Rodovia Governador Carvalho Pinto, na altura do kilômetro 124. Pausa para abastecer, banheiro e até dava tempo de comer alguma coisa, já que os relógios marcavam pouco mais de meio dia.

Depois de 20 minutos de descanso, era hora de voltar para a prova, na parte mais emocionante do rally, percorrendo as estradas de terra da conhecida pelos participantes como “Pistinha da CBA”. Para uma dose extra de emoção, a chuva chegou no final do neutro deixando o terreno muito escorregadio e cheio de lama. Foi a gota de adrenalina que faltava!

Para Gustavo Moraes, em sua primeira participação na categoria Turismo Light no Paulista Off Road, comenta:

“Gostamos muito da primeira etapa do Campeonato Paulista Off Road, o nivel técnico da prova exigia o tempo todo o sincronismo do piloto e navegador, mas foi a segunda parte da prova que realmente eu gostei mais, na pista da CBA, porque lá exigiu muito mais da dupla e foi nesta parte que viramos o jogo e vencemos a prova”

A prova também contou com a participação mineira de Juiz de Fora, com a equipe M8 Rally Club.

Marcos Leal, segundo colocado da categoria Graduado se surpreendeu com a prova:

“Todos nós gostamos muito da prova, super organizada e tranquila… uma prova muito segura. Estamos todos dispostos a disputar todo o campeonato. O que nos chamou mais a atenção foi a qualidade técnica da prova e a escolha das médias, apesar de termos sofrido um pouco com a substituição dos neutros por médias 3 ou 6 km/h… custamos pra pegar o estilo, mas pode ter certeza que estamos contando os dias pra próxima etapa.”

Final de prova, de volta ao Via Vale Shopping, os competidores foram recebidos com um belo buffet de almoço enquanto aguardavam a premiação.

paulista 01

paulista 2

paulista 3

paulista 4

Print Friendly


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Mais Offroad. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e serão removidos.