Rally Transbahia – Piloto da casa busca terceiro título dos quadriciclos

março 30, 2015 11:17 am
Pedro Costa busca terceiro título entre os quadris do Rally - Transbahia Foto: Haroldo Nogueira

Pedro Costa busca terceiro título entre os quadris do Rally – Transbahia
Foto: Haroldo Nogueira

Pedro Costa (à direita) ao lado do pai, Paulo de Souza, no Rally Transbahia - Foto: Haroldo Nogueira

Pedro Costa (à direita) ao lado do pai, Paulo de Souza, no Rally Transbahia – Foto: Haroldo Nogueira

Pedro Henrique Teixeira Costa, 19 anos, está mais do que em casa no Rally Transbahia. Na expectativa de disputar a prova pela quarta vez, o piloto de Barreira (BA) conhece muito bem o tipo de terreno da região e ainda terá o seu pai, Paulo Henrique Costa de Souza, como companheiro de equipe. O objetivo principal do jovem é conquistar o terceiro título seguido entre os quadriciclos, já que foi campeão da classe Graduados no ano passado e da Novatos em 2013. O Rally Transbahia 2015 será realizado nos dias 24, 25 e 26 de abril com largada e chegada em Camaçari, região metropolitana da capital Salvador (BA).

A quinta edição do evento faz parte do Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade para motocicletas, quadriciclos e UTVs e do Brasileiro de Brasileiro de Rally de Regularidade para carros. A novidade será a categoria exclusiva para bicicletas, única no formato Cross Country. O percurso terá aproximadamente 600 quilômetros e ainda passa pelas cidades de Alagoinhas e Conde.

Além do título dos quadris no Transbahia, Pedro Costa é defensor da taça nacional da modalidade. “Estou muito animado para acelerar. O Brasileiro tem sido equilibrado e estou na liderança, empatado com o Artur de Carvalho. Quem chegar na frente no Transbahia será o campeão da temporada”, explicou o piloto, que sabe muito bem o que o aguarda.

“Eu corro pelo Brasil afora, mas as marcas registradas do Rally Transbahia são o alto nível técnico e a navegação, que exige muito dos competidores. Os pilotos de carro e de UTV precisarão estar em plena sintonia com os navegadores e nós, dos quadris e motos, que competimos sozinhos, vamos ter que fazer tudo ao mesmo tempo. A planilha sempre é marcada por laços, balaios e médias de velocidade cada vez mais altas. Competir no meu Estado é muito prazeroso e conhecer o terreno me traz alguma vantagem, mesmo sem saber o roteiro”, continuou.

Outro ponto importante será a presença do seu pai, que estará na classe Novatos. “Este é outro grande prazer que eu tenho no Transbahia, mas há os dois lados da história. A gente troca muita experiência, se ajuda e marca a planilha junto. Mas muitas vezes quando a gente não se encontra durante a prova ou ele demora a chegar eu fico preocupado”, revelou Pedro Costa.

A quinta edição do Rally Transbahia tem patrocínio do Governo da Bahia, por meio da Superintendência dos Desportos do Estado (SUDESB), de Cristal Pigmentos e da BSC Copener. O co-patrocínio é das Prefeituras Municipais de Camaçari e de Alagoinhas e o apoio, da Prefeitura Municipal de Conde e da Knowhow Transportes.

A realização é da Adrenalina Eventos, com supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), Federação Baiana de Motociclismo (FBM), Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e Federação de Automobilismo da Bahia (FAB).

Print Friendly


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Mais Offroad. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e serão removidos.