Copa Trancos e Barrancos veio para ficar

outubro 16, 2014 3:50 pm
A prova foi realizada neste último sábado, 04, em Barra do Ribeiro, região metropolitana de Porto Alegre, RS

A prova foi realizada neste último sábado, 04, em Barra do Ribeiro, região metropolitana de Porto Alegre, RS

Ventou bastante durante as 3ª e 4ª etapas da Copa Trancos e Barrancos… E esses ventos trouxeram bons ares e energia positiva. O que era um projeto experimental tornou-se realidade, e um novo campeonato de rali de regularidade no Rio Grande do Sul está confirmado para 2015, preparado pelo Clube Caixas de Rally. A prova foi realizada neste último sábado, 04, em Barra do Ribeiro, região metropolitana de Porto Alegre, RS, e fechou o campeonato deste ano.

“Neste primeiro momento, preparamos quatro etapas para a Copa Trancos e Barrancos a fim de avaliar o potencial do evento. O resultado superou as nossas expectativas… Depois de Jaquirana e Barra do Ribeiro, os participantes já afirmaram que estão preparados e anseiam por uma próxima temporada. E isso nos deixou bastante felizes”, salientou o diretor de prova, Alexandre Rech.

Divididos nas categorias Graduados, Turismo e Expedition (esta última é apenas Passeio), as 39 duplas percorreram aproximadamente 100 quilômetros, que foram levantados dentro de algumas propriedades particulares. O roteiro passou próximo ao Lago Guaíba, com uma vista de tirar o fôlego de Itapoã. O trajeto contemplou áreas descampadas, campos de pastos, figueiras centenárias e plantações de eucaliptos. Como novidade, os off-roaders passaram por uma pista de avião e fecharam a disputa em uma arena de jeep cross dentro da cidade de Barra do Ribeiro (uma oportunidade à população, que pôde assistir de perto ao rali).

Depois de cerca de quatro horas de concentração absoluta, no acumulado de pontos (manhã e tarde), os vencedores da etapa na Graduados foram Vladimir Kuse e Thiago Ferreira da Silva. “Essa etapa foi totalmente diferente da anterior, em Jaquirana. Desta vez, tivemos um piso seco e foi um percurso bem mais técnico”, declarou Silva. “Nós ficamos bem felizes com a vitória, pois viemos em uma constante evolução, aprendendo a cada etapa e nos aperfeiçoando”, completou. Na segunda posição vieram Claudinei Rocha e Tiago Poisl, seguidos por José Antonio Neumann e Robson Roloff.

Na Turismo, Charles Marcelo Ritter e Marcelo Almada Coelho Ritter repetiram o resultado da etapa passada, e venceram mais uma. “Essa planilha foi um espetáculo, pois estava bem técnica e pediu experiência dos pilotos e navegadores, e o grande desafio foi manter as médias de velocidade impostas pela organização. O diretor de prova, Alexandre Rech, está de parabéns; nos ofereceu um rali bem diversificado, com trechos mais lentos e outros mais rápidos, em áreas mais abertas, ora mais fechadas”, elogiou o piloto Charles. Em segundo lugar ficaram Rafael Brochier Cardoso e Jeferson Luis de Souza, e em terceiro, Mauro Pizzolatto e Henrique Rech.

O roteiro passou próximo ao Lago Guaíba, com uma vista de tirar o fôlego de Itapoã

O roteiro passou próximo ao Lago Guaíba, com uma vista de tirar o fôlego de Itapoã

Motivo de festa

E foram muitos os motivos para comemorar neste encerramento da primeira temporada da Copa Trancos e Barrancos. Primeiro, pelo seu grande sucesso. Segundo, porque que a Copa veio para ficar. E terceiro, o pódio da vitória.

Pilotos e navegadores pontuam separadamente, e desta forma, o piloto campeão na Graduados foi Vladimir Kuse. “Fico feliz com essa conquista, pois trata-se de um campeonato que veio para ficar. As provas ocorreram em locais fechados ou em áreas que não apresentassem riscos de acidentes. Participar desta fase embrionária do evento, significou muito para mim”, falou Kuse.

Entre os navegadores, o melhor foi Tiago Poisl “Estou entre os maiores incentivadores da Copa Trancos e Barrancos, afinal, o Rio Grande do Sul precisa de uma competição duradoura, com um calendário fixo e que crie raízes no nosso Estado. Fico extremamente feliz pelo Clube Caxias de Rally ter conquistado este objetivo, e ser eu o primeiro navegador a comemorar essa vitória tão importante”, disse feliz Poisl.“Certamente, a organização está no caminho certo, e este ponta pé inicial da Copa Trancos e Barrancos mostrou o quão competente é o STAFF do evento. Nós e nossos colegas competidores estamos bem satisfeitos e o certame tem tudo para se tornar uma grande referência nacional”, completou.

Por fim, na Turismo, com 100% de aproveitamento, pai e filho, Charles Marcelo Ritter e Marcelo Almada Coelho Ritter, soltaram com mérito o grito de campeão. “Com duas provas distintas, pudemos imprimir tudo o que sabemos de fora de estrada. Os cenários foram totalmente diferentes, e levaram para nós oportunidades importantes de aprender e aperfeiçoar aquilo que já sabemos sobre o esporte. Estamos felizes demais com esse título, principalmente, porque vencemos juntos. O Alexandre está de parabéns, pois foi extramente cuidadoso e técnico ao preparar os roteiros”, elogiou Charles.

O evento ainda fez doações à APAE de Barra do Ribeiro: foram 150 quilos de alimentos, 5.000 folhas sulfite A4 e R$ 780,00. Agora, a Copa Trancos e Barrancos planeja o calendário de 2015. “Os objetivos principais foram alcançados. Fizemos as provas em locais fechados, trazendo segurança aos competidores, impondo variações de terreno, criando novos conceitos técnicos, integrando o rali às ações sociais, fomentando o ecoturismo de Jaquirana e Barra do Ribeiro (locais das duas etapas). Queremos ampliar a Copa T&B criando assim, um novo DNA de rali no Brasil”, encerrou Rech.

Classificação – 3ª e 4ª etapas Copa Trancos e Barrancos

Graduados
1º Vladimir Kuse / Thiago Ferreira da Silva, 48 pontos
2º Claudinei Rocha / Tiago Poisl, 45 pontos
3º José Antonio Neumann / Robson Roloff, 44 pontos
4º Aurélio Bório Bilhalva / Fábio Mielke Bihalva, 42 pontos
5º Cristiano Fuentes Silva / Bruno Foscariri, 41 pontos

Turismo
1º Charles Marcelo Ritter / Marcelo Almada Coelho Ritter, 50 pontos
2º Rafael Brochier Cardoso / Jeferson Luis de Souza, 46 pontos
3º Mauro Pizzolatto / Henrique Rech, 44 pontos
4º Gustavo Henrique Trierweiler / Ismael Peteffi, 41 pontos
5º Carlos Zanetti / Carlos Guedes, 41 pontos

Classificação final – Copa Trancos e Barrancos

Graduados

Pilotos 
1º Vladimir Kuse, 71 pontos
2º José Antonio Neumann, 69 pontos
3º Milton Roberto Dresch, 67 pontos
4º Cristiano Fuentes Silva, 66 pontos
5º Aurélio Bório Bilhalva, 62 pontos

Navegadores
1º Tiago Poisl, 71 pontos
2º Thiago Ferreira da Silva, 71 pontos
3º Robson Roloff, 69 pontos
4º Bruno Foscarini, 66 pontos
5º Fábio Mielke Bilhalva, 62 pontos

Turismo 

Pilotos
1º Charles Marcelo Ritter, 75 pontos
2º Mauro Pizzolatto, 67 pontos
3º Rafael Brochier Cardoso, 66 pontos
4º Gustavo Henrique Trierweiler, 64 pontos
5º Lucas Hemb, 60 pontos

Navegadores 
1º Marcelo Almada Coelho Ritter, 75 pontos
2º Henrique Rech, 67 pontos
3º Jeferson Luis de Souza, 66 pontos
4º Marton Dill Zuquetto, 64 pontos
5º Cleber Solivo Lopes, 56 pontos

A Copa Trancos e Barrancos tem patrocínio de Automasafety, Origin Ecologic, Filtrobom, Equipe Trancos e Barrancos, Repecol e Multital Factoring.

Print Friendly


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Mais Offroad. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e serão removidos.